Esporte

Rumo à Dinamarca - “Meninos de Aracruz” conquistam vaga para Mundial de Duathlon

Postando em:

A determinação pode levar um atleta a qualquer lugar. Foi essa a mensagem que, não um, mas três atletas de Aracruz transmitiram na manhã deste domingo ao conquistarem vagas para o Mundial de Duathlon 2018, que será disputado na Europa. (Na Foto de capa: Gustavo, Karolayne e Matheus) 

A conquista foi alcançada no Brasileiro de Duathlon, disputado na Vila Parque, em Alphaville, cidade de Barueri, em São Paulo. A prova teve início às 07h30 da manhã e os “meninos de Aracruz” fizeram bonito: Karolyne Santos conquistou o terceiro lugar na categoria 14/15 anos feminino. Gustavo Cabidelli foi o sexto colocado na categoria 14/15 anos masculino. Apesar de enfrentar problemas mecânicos em sua bike, Matheus Ribeiro também garantiu a classificação chegando na oitava colocação na categoria junior.     

Para conseguir a classificação, o atleta teria que cruzar a linha de chegada entre os 10 primeiros, após um percurso de 5 km de corrida, 20 km de ciclismo e outros 2,5 km de corrida.

Diferente do triathlon, que é uma junção de natação, ciclismo e corrida, o duathlon não inclui natação.  

 Karolayne exibiu orgulhosa a bandeira de Aracruz no pódio de premiação

Os três atletas fazem parte do projeto “Além do Muro Escolar”, de Santa Cruz, criado e mantido com muito sacrifício pelo professor Jorge Augusto Curto de Oliveira, também responsável pelo treinamento dos adolescentes  

O resultado alcançado pelos atletas encheu de orgulho o treinador: “É espetacular porque você tirar três meninos do interior do Espírito Santo, meninos com baixa expectativa, tendo agora os três classificados para um mundial é bom demais! O sentimento é o melhor possível, comemorou Jorginho, ao conversar com a reportagem do Site Aracruz na manhã deste domingo.

Agora para disputarem o Mundial de Duatlon 2018, que acontece em setembro, na Dinamarca, os atletas vão depender de um patrocínio mais generoso, já que as despesas serão maiores. Atualmente o time de Jorgino conta com o patrocínio da Inflor, mas o contrato assinado é de apenas um ano. Os resultados, no entanto podem provocar a prorrogação do contrato ou, quem sabe, atrair novos patrocinadores.

Outra boa expectativa de Jorginho é de que agora os meninos consigam uma ajuda através do Programa Bolsa Atleta Municipal.