Geral

Pref de Aracruz anuncia medidas para redução de gastos e cortes inclusive na saúde

Postando em:

A prefeitura de Aracruz anunciou, nesta sexta-feira (25), medidas que visam à redução de gastos no poder público municipal. Dentre as medidas está a redução do horário de funcionamento das repartições públicas, que passa a ser das 12h às 18h. Com a mudança a prefeitura espera evitar gastos com horas extras, já que a jornada da maioria é de 30h, além da redução de gastos com energia, água, telefonia e manutenção predial.

Segundo o prefeito Jones Cavaglieri, o fundamental é garantir os serviços essenciais e manter o equilíbrio das contas públicas. O que tem causado preocupação a muitos moradores de Aracruz é que haverá corte de gastos também na área da saúde, setor de carece de mais profissionais em algumas unidades. De acordo com o secretário interino, Ivan Pestana, os cortes não vão prejudicar o atendimento à população. “Isso é necessário, pois o orçamento de 2017, elaborado e aprovado em 2016 não atende a necessidade e realidade do município.

A intenção, de acordo com o secretário, é utilizar de forma mais otimizada os recursos da pasta. Segundo Pestana ainda não é possível informar os valores dos cortes. O objetivo é manter a capacidade assistencial adequada. Em alguns casos será necessário fazer remanejamento de equipes.

Entre as medidas a serem tomadas na saúde, estão a diminuição no repasse de recursos para consórcios e SUS do Hospital Maternidade São Camilo, 25% no combustível, redução na frota de ambulâncias e em cargos comissionados, além de cortes de gratificações, hora extra e extensão de carga horária e redução na folha de pagamento da SEMSA. As medidas passam a valer a partir de 1º de setembro.