Solidariedade

Hemoes prioriza atendimento a doadores com fator RH negativo

Postando em:

O Hemocentro do Espírito Santo (Hemoes) continua precisando de sangue, mas a prioridade agora são os de fator RH negativo. Esses são mais raros de se encontrar na população, mas, ao mesmo tempo, são mais fáceis de serem usados, pois podem ser transfundidos em pessoas tanto RH negativo quanto RH positivo. Por isso, a direção do Hemoes pede que, neste momento, procurem as unidades do hemocentro estadual quem tiver sangue A, B, AB ou O negativo.

Neste sábado (24), o ônibus do Hemoes vai estar em frente à Igreja Batista de Soteco, em Vila Velha, das 8 às 13 horas. A unidade do hemocentro estadual em Vitória também vai estar aberta das 7 às 19 horas para receber doações e, no pátio, outro ônibus do Hemoes vai dar suporte ao atendimento. Já as unidades localizadas na Serra e no interior do estado (Linhares, Colatina e São Mateus) voltam a funcionar na segunda-feira (26).

O número de pessoas que se dispuseram a doar sangue para reabastecer os estoques do Hemoes em razão do acidente ocorrido na BR 101 Sul, em Guarapari, nessa quinta-feira (22), mostra o tamanho da solidariedade da população capixaba. Ontem, mais de 750 pessoas passaram pelo Hemoes de Vitória, e o atendimento aos voluntários terminou por volta das 21 horas, com 190 bolsas de sangue coletadas.

Para se administrar um banco de sangue é preciso levar em consideração diversos fatores, entre eles a demanda por sangue e a durabilidade do sangue. É preciso considerar que o sangue doado tem prazo de validade. Uma bolsa de concentrado de hemácias, por exemplo, que é um dos hemocomponentes mais usados no dia a dia dos hospitais, dura até 35 dias. E cada bolsa de sangue total doada por uma pessoa gera uma bolsa de concentrado de hemácias.

Por outro lado, um paciente adulto que necessita de uma única transfusão de concentrado de plaquetas precisa da doação de sete pessoas em média. Mas o concentrado de plaquetas dura no máximo cinco dias após a coleta, o que aumenta ainda mais a importância de doações constantes, pois sempre há pacientes nos hospitais necessitando desse hemocomponente.

Outra questão importante é o intervalo que homens e mulheres precisam dar entre uma doação e outra. Os homens que estão doando hoje só poderão doar novamente daqui a dois meses; já as mulheres, daqui a três meses. Ou seja, será preciso que outras pessoas se disponham a doar nesse intervalo, pois o hemocentro não suportaria ficar todo esse tempo esperando que as mesmas pessoas estejam aptas a doar novamente. Por isso é importante que esse mesmo espírito solidário esteja presente durante todo o ano.

 

Quem pode doar

Antes de efetivamente doar sangue, os voluntários passam por uma triagem para avaliar sua condição de saúde e verificar se estão aptos a realizar a doação. Quem tem entre 16 e 69 anos pode se candidatar como voluntário. Para os mais velhos, uma ressalva: só pode doar quem tiver feito a primeira doação até os 60 anos. Já os menores de 18 anos precisam de autorização de um responsável legal. O interessado em doar sangue deve ir até uma unidade do Hemoes, apresentar um documento oficial com foto e responder a um questionário. Em seguida, passará pela triagem. Caso tenha almoçado, deve aguardar três horas após a refeição para fazer a doação.

 

Onde tem Hemoes

- Hemocentro do Estado do Espírito Santo (Hemoes)

Tel. 3636-7900/7920/7921- Avenida Marechal Campos, 1.468, Maruípe, Vitória. Funciona de segunda-feira a sábado, das 7h às 19h.

 

- Unidade de Coleta à Distância da Serra

Tel. 3218-9429/ 3218-9242. Avenida Eudes Scherrer Souza, s/n (anexo ao Hospital Estadual Dório Silva). Funciona de segunda-feira a sexta-feira, das 7h às 16h.

 

- Hemocentro de Linhares

Tel. (27) 3264-6000/ 3264-6019 - Avenida João Felipe Calmon, 1.305, Centro (ao lado do Hospital Rio Doce). Funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 12h30.

 

- Hemocentro Regional de Colatina

Tel. (27) 3717-2801 - Rua Cassiano Castelo, s/n, Centro. Funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 12h30.

 

- Hemocentro Regional de São Mateus

Tel. (27) 3767-7957 - Rodovia Othovarino Duarte Santos, Km 02, Parque Washington. Funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 12h30.