Utilidade Pública

Encontrada em Aracruz família que D. Marli não vê há 40 anos

Postando em:

Depois de passar 40 anos sem notícias da família que deixou em Aracruz, a Dona Marli já pode comemorar. Publicada na noite deste sábado (15) no Site Aracruz, a matéria sobre a busca de Dona Marli Conceição pela família teve mais de 63 mil acessos, deu o resultado desejado e Dona Marli poderá reencontrar familiares na Aldeia Irajá, em Aracruz, e também no Rio de janeiro. Foto das irmã (Lacy, Marli e Lacylda)

A notícia triste é que Dona Marli não reencontrará sua mãe Maria da Conceição, seu irmão Nilton Conceição, o padrasto Napoleão e a irmã Dora (filha do padrasto), ambos falecidos, mas poderá conhecer sua cunhada Isabel e seis sobrinhos, filhos do casal. Dora (falecida) teve quatro filhos. Somente um deles mora no Espírito Santo (Nova Almeida). No Irajá Dona Marli poderá reencontrar sua irmã Lacylda, casada com Doriedson, e três sobrinho. A outra irmã, Lacy, mora no Rio de Janeiro, nas proximidades do Estádio Engenhão. Com ela vivem a filha Andrea Mendes da Silva e dois netos. Outra neta de Lacy e um bisneto também moram no Rio.

Na madrugada deste domingo, Andrea entrou em contato com o Site Aracruz. Ela estava eufórica com a notícia do aparecimento da tia que a família procurava há tantos anos. Imediatamente ela avisou a toda a família e logo entrou em contato com sua prima Emile Pereira, de Rondônia. Elas desconheciam a existência uma da outra, mas conversaram até as 4h da madrugada.

Foi a Emile quem escreveu ao Site Aracruz e pediu ajuda para realizar o sonho da avó de localizar a família que deixou no Espírito Santo. Um fato que chamou a atenção foi que Andrea, que hoje já é avó, era o bebê que estava na barriga de Lacy da Conceição, que aparece grávida na foto já publicada na matéria anterior e que pode ser vista abaixo.

Emile, a neta que tornou possível a realização do sonho da avó, disse neste domingo ao Site Aracruz que quer dar pessoalmente a boa notícia para a Dona Marli. Para isso, ela ficou de se deslocar nesta segunda-feira (17) de Cacual para o Município de Chupinguaia, também em Rondônia. A ansiedade será grande no percurso de 174 km.

Nós do Site Aracruz ficamos muito felizes por colaborar com esse momento tão especial para esta família.

Envie sua sugestão de pauta para o contato@sitearacruz.com.br ou através do whatsapp (27) 9 9983 0085

Mulher tenta reencontrar família em Aracruz após 40 anos